O que é Reumatologia

28/04/2009

Comentários

Segundo o Aurélio Buarque, é o “Ramo da medicina que se ocupa de doenças não cirúrgicas (ainda que eventualmente venham a sê-lo) do aparelho locomotor, ou de outras doenças do tecido conjuntivo”. “Dor nas juntas” segundo a maioria das pessoas. “Esquisitologia”, segundo os médicos não reumatologistas. O Aurélio ainda acrescenta: “é difícil precisar os limites da reumatologia, pois ela tem várias áreas em comum com outras especialidades, notadamente a ortopedia e a neurologia”. Ajudou?

A grande dificuldade vem do fato de que a reumatologia estuda principalmente a inflamação (veja o artigo “A origem da palavra“), e a inflamação pode ocorrer virtualmente em qualquer parte do corpo, das mais diversas maneiras e pelas mais diversas causas. Isso é particularmente verdadeiro quando se fala das doenças chamadas AUTOIMUNES, quando as células de defesa (sistema imunológico) atacam estruturas do próprio corpo, da mesma forma que fariam com micróbios invasores ou tumores. O resultado é inflamação destas estruturas, que podem ser literalmente qualquer tecido do corpo. Quando atingem o cérebro podem produzir quadros que lembram “derrames”, quando atingem a pele podem produzir as mais diferentes lesões, quando atingem as juntas levam às artrites. Algumas destas doenças acometem os vasos sanguíneos. Como todo o corpo é irrigado pelo sangue, os sintomas podem ocorrer em qualquer lugar.Fácil entender porque a reumatologia freqüentemente abrange doenças também vistas por outras áreas da medicina, “notadamente a ortopedia e a neurologia”, mas também infectologia, pneumologia, gastro e tantas outras.

Além da autoimunidade, diversos outros mecanismos podem levar à inflamação. O uso repetido de um grupo muscular pode levar a uma inflamação no tendão, uma hérnia de disco pode levar a compressão e inflamação em uma raiz nervosa, o desgaste pode levar a inflamação nas articulações, e assim por diante. A reumatologia é considerada uma das mais desafiadoras áreas da medicina. Os diagnósticos quase sempre dependem uma história clínica e exame físico bem feitos associados a diversos exames laboratoriais e de imagem. Mesmo assim o tempo e a evolução da doença não raramente nos faz mudar de idéia. Detalhes podem mudar o diagnóstico. Se Sherlock Homes tivesse feito medicina, provavelmente teria sido reumatologista.

Algumas doenças comumente abordadas pela reumatologia:

  • Lupus Eritematoso Sistêmico
  • Artrite Reumatóide
  • Fibromialgia
  • Osteoartrite (artrose)
  • Osteoporose
  • Gota (e pseudo-gota)
  • Esclerose Sistêmica (esclerodermia)
  • Espondiloartropatias
    • Indeterminada
    • Espondilite Anquilozante
    • Psoriática
    • Associada à doença inflamatória intestinal
    • Artrite Reativa
  • Febre Reumática
  • Síndrome de Sjögren
  • Síndrome de Anticorpo Antifosfolipídeo
  • Miosites inflamatórias
  • Doença Mista do Tecido Conectivo
  • Policondrite Recidivante
  • Artrite Séptica
  • Artrite Idiopática Juvenil
  • Vasculites
    • Granulomatose de Wegener
    • Poliangiite Microscópica
    • Churg-Strauss
    • Poliarterite Nodosa
    • Púrpura de Henoch-Schönlein
    • Doença de Behçet
    • Arterite de Células Gigantes / Polimialgia Reumática
    • Arterite de Takayasu
    • Doença de Kawasaki
    • Doença de Buerger
    • Crioglobulinemias
    • Hipersensibilidade
    • Urticária-vasculite
Imprimir (Versão para impressão amigável) Assine nosso RSS
  1. Daniela disse:

    Gostaria de saber se reumatologista tbm trata de tendões. obrigada

    Reumatologia Avançada:
    Daniela, isso depende da razão pela qual o tendão está com problemas. Se isso estiver acontencendo em função de traumas/esforços repetitivos, tanto o ortopedista quanto um reumatologista podem acompanhar o paciente. Se for em função de uma doença sistêmica, artrite reumatóide, espondiloartropatias, ou fibromialgia, por exemplo, o paciente será melhor assistido por um reumatologista.

  2. Dayane disse:

    Síndrome da hipermobilidade é tratada por reumatologia?

    Equipe reumatologiaavancada:
    Síndrome da hipermotilidade não é uma doença, é uma caracteristica física, determinada geneticamente. É verdade que essas pessoas frequentemente tem dores e maior desgaste nas articulações. Reumatologistas, fisiatras ou ortopedistas podem orientar essas pessoas sobre meios de evitar esses desgastes e dores.

  3. Rita de Cassia disse:

    Ola Descobri recentemente que tenho LES. Quero saber por que nao podemos tomar sol? Obrigada

    Dr. Pedro Ming
    Leia o artigo sobre lupus: http://www.reumatologiaavancada.com.br/doencas-reumaticas/lupus/

  4. Tayana disse:

    Muito boa a lista de doenças que a Reumatologia trata.
    Obrigada!

    Dr. Pedro Ming
    pedroming@reumatologiaavancada.com.br
    Eu é que agradeço a participação, Tayana.

  5. Olá, Epicondilite tem cura? Obrigada. Nadiege

    Dr. Pedro Ming
    pedroming@reumatologiaavancada.com
    Sim, tem. Ela é conseguida a custas de fisioterapia, antinflamatórios, as vezes infiltrações e, principalmente, evitar o que causou o problema (varia para cada um). O reumatologiasta nao raramante trata esta condição, mas a rigor a especialidade exata é ortopedia.

  6. patricia disse:

    tenho lupos eritematoso discoide.devo procurar um reumatolista? obrigada

    Dr. Pedro Ming
    pedroming@reumatologiaavancada.com.br
    O lupus discoide pode acontecer em pessoas com lupus sitêmico (”generalizado”) ou sozinho, quem qualquer acometimento de outros órgãos ou tecidos. No primeiro caso ele deve ser visto por um reumatologista experiente. No segundo caso ele pode ser adequadamente tratado por um dermatologista.

  7. GEANE disse:

    fibromialgia tem cura? quais são os tratamentos, é preciso passar por psicologo? obrigada.

    Dr. Pedro Ming
    pedroming@reumatologiaavancada.com.br
    Sugiro fortemente a leitura do texto sobre fibromialgia neste site: clique aqui. Lá vc encontra estas e outras respostas sobre esta condição.

  8. ADRIANA F disse:

    O LUPUS SISTÊMICO TEM CURA? UMA PESSOA QUE TEM LUPUS SISTÊMICO E QUE TEM INSUFICIÊNCIA RENAL (OS DOIS RINS NÃO FUNCIONAM) GERALMENTE PODE VIVER ATE QUE IDADE?

    Dr. Pedro Ming
    pedroming@reumatologiaavancada.com.br
    Existe uma grande variação na gravidade e curso do lupus entre pacientes diferentes. Alguns pacientes conseguem sim viver sem o lupus, e até sem medicações. Eles ainda têm que voltar ocasionalmente nos seus médicos e fazer exames, mas fora isso, vida normal. Isto existe. Um fato curioso é que quando o Lupus leva à insuficiência renal e o paciente entra em diálise, muito freqüentemente a doença entra em remissão (some), ou fica muito leve. Este fato não é completamente entendido, mas é atribuído a um efeito imunossupressor da uréia, ou à filtração de substâncias pró-inflamatórias pela diálise. Mesmo que o paciente tenha tido uma doença agressiva a ponto de causar a perda dos rins, é bastante provável que após a diálise ser iniciada o lupus se torne bastante mais benigno. Portanto este paciente pode viver muitos anos, à semelhança de outros pacientes dialíticos.

Envie um Comentário ou Pergunta!